dd

GRUPO INTEGRALISTA DO RIO DE JANEIRO

NOTA DE PROTESTO

Rio de Janeiro, 30 de março de 2004.

À Direção da Rede Globo

Vemos com profundo pesar, esta conceituada organização levar ao Ar, através de novela e mini-séries, tais como “Esperança” e “Um Só Coração”, alusões caluniosas e desrespeitosas ao Integralismo.

Esclarecemos a V.Sas., que a Ação Integralista Brasileira foi uma organização nacionalista e patriótica, que almejou, sobretudo, a Independência, a grandeza e a dignidade do Brasil.

O Integralismo hoje, continua vivo e atuante. Não representando classes sociais ou partidos políticos, mas defendendo a Democracia Orgânica, a quem as classes profissionais deverão ter seus representantes no Congresso Nacional.

Não vemos o homem pela sua raça, cor, posição social e títulos, mas SIM pela honestidade e trabalho, pela sua inteligência e pela sua contribuição à sociedade pátria, a libertando dos vícios e da corrupção.

Estranha-se nas novelas, enquanto aos integralistas se é dada à acusação de nazistas, aos comunistas se é dado o elogio de heróis da humanidade. Os diretores ignoram que enquanto aos nazistas os historiadores apresentam a responsabilidade de causarem vinte milhões de mortes, as ditaduras de Stalin, Mao-Tse-Tung (comunistas), apresentam cento e vinte milhões de mortos. Não nos compete julgar quem é mais culpado ou menos culpado, mas sim, demonstrar que os comunistas, apesar da proteção da mídia, causaram muitos malefícios a humanidade. E lembrar que, a A.I.B nunca teve qualquer vínculo com o nazismo.

Os diretores de novelas, intencionalmente ou ingenuamente, ignoram os fatos históricos, pois o Integralismo rejeita e combate tanto o materialismo, como o ateísmo, seja comunista ou nazista, assim também, o feroz capitalismo usurário que explora o sofrimento e a miséria da humanidade.

O Chefe Nacional Plínio Salgado (in memória), que fundou o Integralismo, era profundamente católico e escreveu mais de 80 obras, o mesmo se pode dizer de Gustavo Barroso (in memória), muitos anos Diretor do Museu Histórico Nacional, autor de diversos livros e palestras históricas. Portanto, o Integralismo é cristão, e acredita na integração pátria com a base na família sob a luz de Deus, sendo nosso lema: Deus, Pátria e Família.

Confiando no espírito democrático de V. Sas., solicitamos a divulgação desta missiva, através das empresas do conglomerado Globo para comunicação de massa, tais como Tv Globo, Rádio Globo e Jornal O Globo.

Respeitosamente,

Grupo Integralista do Rio de Janeiro.